Quais são as habilidades, valores, atitudes e comportamentos que devemos cultivar em nossas escolas?

Lidar com recursos, tecnologias, encontrar informações relevantes, criar discussões engajadoras… isto é apenas a ponta do iceberg. Um significado mais profundo para as aulas deve ser provido de conhecimentos e habilidades que levam à competência global. Nossa aula de literatura, biologia, matemática, inglês, etc. deve alcançar (e tocar!) questões locais-globais (glocais). Mesmo que isto não seja sempre possível, nós devemos intencionalmente, conscientemente instigar o pensamento crítico, fomentar ideias complexas que excedam o senso comum.

Não é uma questão de simplesmente construir pontes entre culturas – “o destino das pontes é ser solitário; porque pontes servem para se atravessar não para se ficar!” (Mehmet Murat Ildan).

Não é o caso, também, de tomar partido – “uma ponte não tem aliança alguma com nenhum dos lados.” (Les Coleman).

É uma jornada de capacitação e “empoderamento” dos alunos – “a sabedoria das pontes vem do fato de que conhecem ambos os lados, conhecem as duas margens!” (Mehmet Murat Ildan).

OBJETIVOS

  • Refletir sobre experiências pessoais em relação à competência global;
  • Aplicar o quadro de competência global na compreensão de questões complexas.
  • Descrever a cultura de aprendizagem de uma escola ou sala de aula em relação ao ensino da competência global;
  • Repensar notícias globais de hoje como uma poderosa janela para aprender com e sobre o mundo.

DOCENTE

Eduardo-FranciniEduardo Francini é diretor assistente no Colégio Luiz de Queiroz (Piracicaba-SP). Professor e consultor na área de linguagem; examinador oral de Cambridge English Language Assessment, Departamento de Exames da Universidade de Cambridge.

4h de curso – Data: 27 de Fevereiro – Horário: 9 às 13h

Valor de investimento: R$ 240,00

Para grupos instituições de ensino ou outras associações: consulte-nos: [email protected]

Sujeito à formação de turma.

CONTEÚDO

Competência Global refere-se à aquisição de profundo conhecimento e compreensão das questões internacionais, um apreço e capacidade de aprender e trabalhar com pessoas de diversas origens linguísticas e culturais, proficiência em língua estrangeira e habilidades para agir de maneira produtiva numa comunidade mundial interdependente.

Habilidades do século XXI – conjunto de competências-chave que são normalmente usados para abranger tanto os aspectos das habilidades cognitivas como as não-cognitivas — pensamento crítico, resolução de problema, colaboração, comunicação eficaz, motivação, persistência e aprender a aprender. Podem ser demonstradas dentro das áreas e dos conteúdos acadêmicos que são importantes para o sucesso na educação, no trabalho e em outras áreas de responsabilidade da vida adulta (National Academy of Sciences, in Education for Life and Work).

PÚBLICO ALVO

Professores das diversas áreas do conhecimento, formadores de professores, coordenadores, diretores de escolas e educadores em geral, que estão dispostos a aprender e compartilhar as boas práticas de ensino-aprendizagem para o desenvolvimento da cidadania global.

Faça sua inscrição agora, Preencha o formulário.

Inscrever

Conheça todos os cursos de pequena duração.

Conhecer cursos

Conheça também nossos workshops.

Ver todos Workshops

Cursos Formação Continuada de curta duração (4h a 18h)

Workshops (3h a 4h)